Notícias

Como funciona a avaliação física por bioimpedância?

Quando você observa na balança que perdeu peso, sabe distinguir se aqueles quilos perdidos foram gorduras, líquidos ou músculos? Ou você que faz um exercício de fortalecimento muscular, como musculação, pilates, treinamento funcional ou luta, pode avaliar sua evolução em termos de mudança de composição corporal?


A avaliação corporal é muito importante, não só para quem busca emagrecimento ou definição muscular, pois a proporção muscular de uma pessoa é um bom indicativo (mas não único) de como este metabolismo funciona (de forma mais lenta ou acelerada), de bem estar geral e longevidade.


O exame de bioimpedância deverá ser realizado periodicamente (mensalmente ou até em 3 meses), para melhor avaliar e direcionar os cuidados dietéticos e os exercícios físicos. Dessa forma, você poderá alcançar suas metas de acordo com o planejamento mencionado na consulta, já que conhecerá mais sobre seu próprio corpo.


A avaliação física por bioimpedância é um método rápido, seguro, fidedigno e totalmente indolor, que analisa a composição corporal por meio da passagem de uma fraca corrente elétrica por todo o corpo. Com a pessoa deitada são fixados eletrodos no pé e na mão do lado direito e em questão de 1 minuto o equipamento fornece automaticamente dados completos sobre a composição corporal do paciente, como:


• Massa Gorda (Gordura em % e Kg)

• Massa Magra em % e Kg

• Taxa Metabólica Basal (TMB), que equivale às calorias gastas diariamente

• Estado de hidratação (Água Corporal Total em Litros e %)

Para se obter uma boa precisão no exame de bioimpedância alguns cuidados devem ser tomados:

  •  Jejum de 4 horas
  •  Evitar o consumo de álcool e cafeína (café, chá, chocolate) 24 horas antes do teste
  •  Não fazer exercício intenso nas 24 horas que antecedem o exame
  •  Não fazer o teste após sauna
  •  Suspender medicação diurética 24 horas antes do teste, exceto no caso de indivíduos hipertensos, que devem estar sob rigoroso controle médico
  •  Recomenda-se não consumir anti-histamínicos nos 7 dias que antecedem o teste
  •  Mulheres não devem estar no período pré-menstrual ou menstrual (até o quarto dia)


Contraindicações:
O exame de bioimpedância é contraindicado para gestantes e pessoas portadoras de marcapasso.


Texto: Lilian Lourenço (nutricionista)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS.